SLIDER
26/09/2017 às 10:21:55

APAE de Balneário Camboriú alerta moradores sobre possível golpe

Segundo diretora, entidade tem convênio apenas com a Celesc

1

Uma ouvinte que se identificou como Dona Maria, entrou em contato com a produção do Bote a Boca no Trombone desta terça-feira, 26, denunciando que tem recebido ligações de pessoas que se identificam como colaboradores da APAE de Balneário Camboriú, e pedem contribuições. Segundo a denunciante, eles afirmaram que buscariam os valores na casa dela.

De acordo com a diretora da Associação de Pais e Alunos dos Excepcionais Sandra Mara Luchtenberg, esse não é um procedimento da entidade, e a única forma de obter recursos direto dos cidadãos é por um convênio firmado com as Centrais Elétricas de Santa Catarina - Celesc.

\"O pessoal liga para as pessoas contribuir pela conta de luz, é uma empresa terceirizada que atende as APAES do Brasil. A pessoa não dá o dinheiro vivo, se pagar R$ 50 reais na conta de luz, recebemos como o equivalente de R$ 5. Sobre receber dinheiro vivo não procede\", afirma a diretora.

Comentários